spot_img
spot_img
27.6 C
Jundiaí
sexta-feira, 3 dezembro, 2021
spot_img

Campinas e Bragança se antecipam e entram na fase vermelha; SP deve regredir novas regiões

São Paulo bateu recorde de mortos por Covid-19 e internados com a doença na terça (2)

Com o sistema de saúde de município sob pressão, Campinas inicia nesta quarta-feira (3) a fase vermelha, a mais restritiva do Plano SP. A fase vermelha permite o funcionamento apenas de setores essenciais da economia, como farmácias, supermercados, padarias, agências dos correios, petshops, clínicas veterinárias, postos de combustível e transportes coletivos, como ônibus, trens e metrô — e, agora, igrejas. Já shoppings, comércio de rua e academias, por exemplo, não podem funcionar.

A medida é válida até o dia 16 de março. As redes pública e privada de Campinas somavam 290 leitos de UTI exclusivos para tratamento de pacientes com Covid-19, sendo que 263 estavam ocupados, uma taxa de 90,69% – o maior número de internados em seis meses.

Além de Campinas, outras cidades do interior tem se antecipado ao regredir à fase vermelha do Plano SP. Bragança Paulista publicou na segunda-feira (1°) um decreto que coloca a cidade em quarentena até o dia 8 de março, podendo ser prorrogada após uma nova avaliação da situação do município. As aulas presenciais também foram suspensas.

Bragança Paulista está com os hospitais públicos lotados com 100% de ocupação na UTI e enfermaria. O decreto municipal entrou em vigor na terça-feira (2).

Bom Jesus dos Perdões, cidade vizinha à Atibaia, também decretou na segunda-feira (1º) a regressão por conta própria à fase vermelha do Plano São Paulo. O decreto tem validade de uma semana, entre os dias 2 e 8 de março, mas a medida pode ser prorrogada. 

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Prefeitura de Bom Jesus dos Perdões na segunda-feira informa que a cidade já teve 973 casos de Covid-19, sendo que 944 estão curados, 12 estão em isolamento domiciliar, cinco estão internados em enfermaria e 12 pessoas já morreram pela doença no município.

Estado de São Paulo – Após São Paulo bater recorde de mortos por Covid-19 e internados com a doença, o governo paulista deve anunciar nesta quarta-feira (3) que mais regiões do estado vão para a fase vermelha. Na terça-feira (2), 468 pessoas morreram no estado de São Paulo em decorrência da Covid-19 – o maior número desde o início da pandemia há um ano.

Atualmente, seis regiões do estado estão na fase vermelha: Araraquara, Bauru, Barretos, Presidente Prudente, Ribeirão Preto e Marília. A reclassificação atende a pedido do Centro de Contingência do Coronavírus e dos prefeitos do estado, que, em reunião nesta terça, pediram ações mais efetivas para conter o avanço da doença.

Na atual configuração da fase vermelha, as escolas podem continuar recebendo alunos com o limite máximo de 35% da capacidade. Nesta terça (2), no entanto, o secretário estadual da Saúde, Jean Gorinchteyn, defendeu a suspensão das aulas presenciais no estado.

UTIs – O estado de São Paulo também chegou ao maior número de pessoas internadas com Covid-19 desde o início da pandemia. São 16.359 pacientes com suspeita ou confirmação da doença em todo o estado, sendo 9.332 em leitos de enfermaria e 7.027 em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). A secretaria estadual nunca havia informado valor maior que 16 mil internados.

A taxa de ocupação de UTIs Covid registrada nesta terça é a terceira maior desde o final de maio de 2020, quando o governo estadual passou a divulgar o dado diariamente. Entre hospitais públicos e particulares do estado, 75,3% dos leitos de UTI destinados a pacientes com coronavírus estão ocupados.

O que pode funcionar na fase vermelha?

  • Farmácias
  • Mercados
  • Padarias
  • Açougues
  • Postos de combustíveis
  • Lavanderias
  • Meios de transporte coletivo, como ônibus, trens e metrô
  • Transportadoras, oficinas de veículos
  • Atividades religiosas
  • Hotéis, pousadas e outros serviços de hotelaria
  • Bancos
  • Pet shops
  • Serviços de delivery ou entregas
Novo Diahttps://novodia.digital/novodia
O Novo Dia Notícias é um dos maiores portais de conteúdo da região de Jundiaí. Faz parte do Grupo Novo Dia.
PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

notícias relacionadas