18.4 C
Jundiaí
segunda-feira, 17 junho, 2024

Apple é acusada pelo CEO do Telegram de “travar” a atualização do App

spot_img

O CEO do Telegram, Pavel Durov, publicou uma mensagem no seu canal reclamando do tempo de análise de uma atualização do mensageiro. De acordo com Durov, as dificuldades são impostas pelos ”monopólios da tecnologia”, em referência à Apple e ao Google, com o “obscuro” processo de análise.

Na publicação, Durov lembrou que desempenha um trabalho incrível, ao fazer milhões de pessoas se comunicarem. Contudo, essas dificuldades com a Apple seriam ”desencorajadoras”; já faz duas semanas que uma atualização, a qual deverá “revolucionar como as pessoas se expressam em mensagens”, está parada na análise sem respostas da Maçã.

O CEO refletiu, ainda, sobre como apps menores podem enfrentar tratamentos ainda mais complicados — já que até mesmo o Telegram, um app famoso, está passando pelo relatado. Ele destacou também que não é apenas “desmoralizante”, como também significa “perdas financeiras irreparáveis”.

Ele aproveitou para aumentar o coro de críticas contra a comissão cobrada pela Apple e pelo Google em cima de compras de apps e transações feitas nas lojas de apps. Além disso, ele vai pedir por regulação, alegando que, ainda que a União Europeia e outros órgãos tomem alguma ação, os danos causados pela taxa não poderiam ser desfeitos. A assinatura lançada recentemente pelo Telegram é um modo por meio do qual a questão afeta diretamente o mensageiro.

Essa está longe de ser a primeira vez que o CEO da empresa reclama da gigante de Cupertino. Em junho, por exemplo, Durov acusou a Apple de estar “matando a web” ao bloquear o uso de motores de renderização próprios de outros navegadores no Safari, obrigando a utilização do seu, o Webkit. (UOL)

Novo Dia
Novo Diahttps://novodia.digital/novodia
O Novo Dia Notícias é um dos maiores portais de conteúdo da região de Jundiaí. Faz parte do Grupo Novo Dia.
PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas