17.5 C
Jundiaí
sexta-feira, 24 maio, 2024

Silvio Luis, narrador esportivo, morre, aos 89 anos

spot_img

Morreu nesta quinta-feira (16), aos 89 anos, o narrador esportivo Silvio Luiz. Internado no Hospital Oswaldo Cruz, em São Paulo, desde o dia 8 de maio, Silvio Luiz sofreu um AVC, em abril, durante a transmissão do jogo entre Palmeiras e Santos, em partida válida pelo Campeonato Paulista.

Contratado da TV Record, o locutor ganhou ainda mais destaque, ao liderar a equipe de transmissões das plataformas digitais da emissora desde 2022.

Com problemas renais, Silvio Luiz estava em coma induzido, intubado e impossibilitado de fazer hemodiálise devido à fragilidade decorrente da idade. 

Sylvio Luiz Perez Machado de Sousa era o nome de batismo de Silvio Luiz. Nascido em 14 de julho de 1934, iniciou a carreira em 1952, fazendo participações em radionovelas.

Como locutor, iniciou sua trajetória na Rádio Record. Passou pela Rádio Bandeirantes e, na extinta TV Paulista, foi o primeiro repórter de campo da imprensa esportiva brasileira.

Silvio também foi árbitro de futebol. Ele foi um dos assistentes na partida de inauguração definitiva do Estádio do Morumbi, em 1970.

Outra faceta de Silvio Luiz era a atuação. Como ator, participou de duas novelas: “Éramos seis” e “Cela da morte”, ambas na TV Record.

Trabalhou, também, nas Rádios Jovem Pan e Transamérica. Passou por Rede TV, Bandsports e SBT, onde narrou Copa do Mundo de 1994, quando a emissora de Silvio Santos se uniu à Record para a transmissão do Mundial. Por lá, foi apresentador do programa “Gol show” e líder da equipe de esportes do canal por três anos.

Um ícone da narração esportiva, Silvio Luiz se notabilizou pelo jeito irreverente, irônico e descontraído nas locuções de futebol. Ele é dono de bordões que marcaram época e são lembrados até hoje, como: “Olho no lance”, “Acerte o seu aí, que eu arredondo o meu aqui”, “Confira comigo no replay”, e “É mais um gol brasileiro, meu povo”.

Premiado, Silvio Luiz venceu por 5 vezes o “Troféu Imprensa” como melhor narrador esportivo do Brasil. Ganhou ainda o “Troféu Comunique-se” e o “Prêmio Aceesp” como melhor locutor de televisão do país.

Companheiro de Silvio Luiz na última transmissão do narrador, Marvio Lucio, o Carioca, prestou homenagem ao amigo em suas redes sociais.

“Nossa ultima foto. Descanse em paz meu ídolo, amigo, pai, companheiro de trabalho. Muito obrigado Senhor por ter colocado o Silvio Luiz na minha vida… Inacreditavelmente era um menino que o amava pela TV, virei amigo e colega de trabalho. Silvio te amarei pra sempre, pra sempre. Vc é exemplo, quero ser como vc, trabalhar e fazer o q gosta até o final. Te amo. Um Bjo pra Marcia, Ale, André e Teca…”, disse Carioca em sua conta no Instagram.

Fonte: CNN Brasil

PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas