17.5 C
Jundiaí
sexta-feira, 24 maio, 2024

Cidade de São Paulo repete recorde de temperatura de maio de 2001

spot_img

Nesta quinta-feira (2), a capital paulista atingiu a marca máxima de 31,7ºC em termos de temperatura. Conforme informações do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), esse registro igualou o último registro semelhante na cidade, datado de maio de 2001. Inicialmente, a previsão apontava para uma máxima de 33ºC. Essas elevadas temperaturas são atribuídas a uma onda de calor, resultante de uma massa de ar quente e seco de intensidade significativa estacionada sobre a região.

Conforme dados do Inmet, as maiores temperaturas registradas em São Paulo para o mês de maio foram: 31,7ºC em 2001 no dia 3; 31,5ºC em 2024 no dia 1º; 31,3ºC em 2010 no dia 7; 31,7ºC em 2001 no dia 3 novamente; 30,7ºC em 2001 no dia 2; e 30,1ºC em 2003 no dia 1º.

Além disso, de acordo com o Balanço Climatológico de Abril, o mês anterior apresentou índices de chuva bem abaixo da média histórica e temperaturas significativamente acima. Na estação meteorológica do Mirante de Santana, o volume de chuva acumulado foi de 16,6 milímetros (mm), o que representou uma defasagem de 70,4 mm (81%) em relação à Normal Climatológica (1991 a 2020), que é de 87 mm.

No mês passado, o maior volume de chuva em 24 horas atingiu 9,4 mm, ocorrendo na manhã do dia 17. Houve apenas dois dias com registro de precipitação acima ou igual a 1 mm, um desvio de quatro dias em relação à média climatológica de seis dias. Em termos acumulados neste ano, o déficit de chuva alcançou 55,5 mm, representando um volume negativo de 6% em comparação com os quatro primeiros meses do ano.

Quanto às temperaturas, o mês encerrou com uma média de 29,5°C. As máximas ficaram 2,9°C acima da Normal Climatológica, que é de 26,6°C. O último registro dessa temperatura (29,5ºC) em um mês de abril foi em 2016. Destaca-se que a temperatura máxima do mês atingiu 32,8°C, registrada no dia 5.

De acordo com o balanço, a média das temperaturas mínimas ficou em 19,4°C, apresentando um desvio de 1,9°C acima da referência climatológica de 17,5°C. A temperatura mínima do mês foi de 14,2°C, registrada na manhã do dia 19.

Para esta sexta-feira (3), a previsão aponta que a máxima deve alcançar 31ºC. Durante a tarde, espera-se muitas nuvens, porém, com vento fraco a moderado e sem previsão de chuva. Essas condições devem se manter também durante o fim de semana, embora no sábado (4) a temperatura máxima possa chegar a 32ºC.

Conforme dados do Centro de Gerenciamento de Emergências da capital, não há registro significativo de chuva na cidade há 16 dias consecutivos.

A Defesa Civil Municipal mantém toda a cidade em estado de atenção devido às altas temperaturas.

PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas