22.3 C
Jundiaí
quinta-feira, 13 junho, 2024

Mortes no Brasil aumentam 18% em 2021, aponta IBGE

spot_img

Dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), divulgados nesta quinta-feira (16), revelam que o número de mortes no Brasil aumentou 18% em 2021, no comparativo aos registros de óbitos em 2020.

Há dois anos, foram contabilizados aproximadamente 1,8 milhão de mortes no país, o que representa 273 mil óbitos a mais do que o primeiro ano da pandemia da covid-19, que computou 1,5 milhão. 

Esse é o novo recorde na série histórica que começou em 1974. Em 2021, a alta de óbitos superou (35,9%) o de 2020 entre os adultos de 40 a 49 anos e de 50 a 59 anos (31,3%). 

Em relação ao grupo de 70 a 79 anos e de 80 anos ou mais, os números de mortes cresceram menos. A pesquisa aponta que o avanço ocorreu especialmente no 1º semestre de 2021. O mês de março registrou o maior número de óbitos: 202,5 mil. O dado é 77,8% maior em comparação ao mesmo período de 2020. 

Já no segundo semestre de 2021 os óbitos caíram. “A implementação de medidas sanitárias e, posteriormente, as campanhas de incentivo à vacinação contribuíram para o recuo da pandemia e suas consequências. Há uma clara aderência entre a diminuição no número de óbitos e o avanço da vacinação no país”, explicou a gerente da pesquisa, Klívia Brayner. 

O relatório do IBGE também mostrou que houve queda de 1,6% no número de nascimentos em 2021. Em comparação com 2020, foram 43 mil nascimentos a menos há dois anos, totalizando cerca de 2,6 milhões. O IBGE informou que foi o terceiro ano consecutivo de queda. Em 2019, foi de 3% e, em 2020, de 4,7%.

Novo Dia
Novo Diahttps://novodia.digital/novodia
O Novo Dia Notícias é um dos maiores portais de conteúdo da região de Jundiaí. Faz parte do Grupo Novo Dia.
PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas