25.4 C
Jundiaí
sábado, 28 janeiro, 2023

Programa Cidade das Crianças chega ao Hospital Universitário (HU)

Prefeitura iniciou, na tarde dessa segunda-feira (16), em parceria com o Hospital Universitário (HU), a escuta de crianças em internação na unidade. A iniciativa integra o programa municipal Cidade das Crianças e deverá ser realizada semanalmente. A proposta é ouvir dos pacientes suas demandas e soluções sobre as instalações e sobre o atendimento no hospital, de forma análoga a como o Comitê das Crianças trata dos temas da cidade.

O primeiro encontro foi acompanhado pelo gestor de Cultura, Marcelo Peroni, que é quem conduz as reuniões do Comitê das Crianças; pelo diretor técnico do HU, o professor Rodrigo Camargo; a diretora da Diretoria de Atenção Ambulatorial e Hospitalar, Daniele Evangelista; além da equipe do hospital, como gerentes e psicóloga.

O trabalho, tem a proposta do pedagogo italiano Francesco Tonucci, do Hospital Pedro de Elizalde, em Buenos Aires (Argentina), apresentada para a rede de Cidades das Crianças, assinado por Jundiaí. Tonucci é esperado em março para o encontro do programa que Jundiaí irá sediar. “Por isso, quisemos implantar este projeto-piloto em parceria com o HU para que ele possa constatar que, escutar as crianças não é tratá-las como se não tivessem opinião própria. Nossa proposta é por uma abordagem lúdica, com vivências e experiências, evitando que elas reproduzam questões infectadas pelos adultos”, disse Peroni.

Rodrigo também comentou a proposta. “No ano passado, durante a Semana do Bebê e do Aleitamento Materno, aprofundamos no contato com o programa Cidade das Crianças , até que, em outubro, recebemos a visita do Comitê ao hospital. A ideia agora é trabalhar na escuta das crianças do hospital.

Nesta primeira visita, participaram da escuta a paciente Ingred Coelho dos Santos, de dez anos, do Jardim Gramadão, e o Kauã Vinicios da Silva, de 13 anos, e que mora na Vila Nambi.

Peroni comemora o resultado do encontro, em que as crianças comentaram sobre diversos aspectos, desde a internação, até os procedimentos e a rotina dentro do hospital. “A ideia é conduzir semanalmente as escutas, com estes e outros pacientes, a depender do período de internação, e compilar um documento, assim como aquele entregue anualmente pelo Comitê, quando pudermos agrupar as demandas por temas”, acrescentou Peroni.

Novo Dia
Novo Diahttps://novodia.digital/novodia
O Novo Dia Notícias é um dos maiores portais de conteúdo da região de Jundiaí. Faz parte do Grupo Novo Dia.
PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas