19.5 C
Jundiaí
quarta-feira, 29 maio, 2024

Requalificação no entorno da João Cereser está avançada

spot_img

A Prefeitura de Jundiaí, em parceria com o Governo do Estado, avançou com a requalificação viária no entorno das marginais da rodovia João Cereser, nos bairros do Engordadouro, Vila Hortolândia e Jardim Shangai. O investimento para as melhorias é de R$ 30 milhões, sendo R$ 23 milhões fruto do convênio com a agência de fomento Desenvolve SP, e R$ 7 milhões de recursos próprios da Unidade de Gestão de Infraestrutura e Serviços Públicos. A obra está com 65% da execução completa.
A avenida Olívio Roncoletta é a parte mais avançada da restruturação. A via foi completamente recapeada, recebeu duplicação de trecho e ciclovia. O local ainda receberá novo paisagismo. A obra foi aprovada por moradores, como, por exemplo, Paulo Cesar Palhares. “Melhorou muito a mobilidade e os novos acessos permitem que a gente chegue e saia de casa mais rápido. Além disso, valoriza toda a nossa região. Estamos todos muito contentes”, afirma.
“Com planejamento e pensando no médio e longo prazo, estamos realizando obras de melhorias na mobilidade urbana em toda a cidade. As requalificações já trazem reflexos positivos, uma vez que atacam os principais gargalos da cidade, reduzem o tempo de deslocamento dos motoristas e trazem mais conforto e segurança viária para todos”, avalia o prefeito Luiz Fernando Machado.
Do outro lado da rodovia, está em andamento o prolongamento da avenida Paulo Benassi, por trás do Ecaj (Ceasa). Ela ligará a marginal da rodovia João Cereser com a Antonio Frederico Ozanan – na região do bairro do Engordadouro, criando mais um acesso ao bairro. O local também contará com ciclovia, calçadas e novo paisagismo.
A parceria para a realização de obras de mobilidade não é novidade. A detalhes de ser finalizado, o Complexo Viário da Região Sul também é fruto de uma parceria entre a Prefeitura e o Governo do Estado. O investimento é de R$ 30 milhões (R$ 23 milhões do Estado e R$ 7 milhões de recurso próprio). O dispositivo conta com viaduto e alças de acesso que ligam a avenida Samuel Martins e a avenida 14 de Dezembro, com passagem por cima da rodovia Presidente Tancredo Neves (Estada Velha de SP).
Outro convênio em andamento é para o prolongamento da avenida Antonio Frederico Ozanan – maior obra de mobilidade da história. A requalificação inclui prolongamento de 2,5 km, duas pontes próximas ao Córrego das Valquírias, para interligação da Antonio Frederico Ozanan com a avenida Jacyro Martinasso; uma ponte estaiada, que ligará a Ozanan com a avenida Luiz Latorre, na altura da rua Benedito de Godoi Ferraz; e uma ponte para interligação da Luiz Latorre com a Ozanan, próximo à Unip, além da duplicação do túnel existente no local.

PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas