18.4 C
Jundiaí
terça-feira, 28 maio, 2024

Museu Republicano de Itu terá três novas atividades

spot_img

Começou na segunda-feira (13) em todo o país a “22ª Semana Nacional dos Museus”, que este ano traz o tema “Museus, Educação e Pesquisa”. O evento termina no próximo domingo (19 de maio), e o Museu Republicano de Itu realizará três diferentes atividades durante o período, por dois dias.
A primeira delas será a abertura da exposição “Os azulejos de lá e de cá”, que apresentará os trabalhos desenvolvidos por participantes do ciclo de oficinas “Azulejaria: Técnicas e Histórias”, ministrado pela Ceramista Gisela Pedroso e promovido pelo Serviço Educativo da instituição no último mês.
“A programação abordou a história da azulejaria portuguesa e a composição material dos azulejos que compõem a ornamentação da fachada e do saguão interno do nosso Museu, além da prática de técnicas especiais de confecção e pintura de azulejos”, diz Aline Zanatta, responsável pelo Serviço Educativo.
A abertura da nova exposição está marcada para as 10 horas do dia 17, sexta-feira. No mesmo dia, às 14 horas, educadores da instituição vão realizar uma mediação educativa sobre as presenças e ausências das representações femininas na narrativa visual do conjunto de azulejos do Museu Republicano.
Já no dia seguinte (18), a partir das 10 horas, será lançada uma exposição virtual. Em “Azulejos Bordados”, serão apresentados os resultados das leituras bordadas dos painéis azulejados do Museu Republicano, produzidos pelo grupo de artesãs Bordadeiras do Utuguassú.
O Museu Republicano de Itu está situado em um sobrado histórico onde se realizou, em 18 de abril de 1873, a Convenção Republicana de Itu, reunião de políticos e proprietários de fazendas de café para discutir as circunstâncias do país, marco originário da campanha republicana e da fundação do Partido Republicano Paulista.
O Museu é um importante ponto de referência para compreender a História e a Cultura Material da sociedade brasileira, com ênfase no período entre a segunda metade do século XIX e a primeira metade do século XX, tendo como núcleo central de estudos o período de configuração do regime republicano no Brasil.
Além do movimento republicano e da primeira fase da República brasileira, trata também da história de Itu e região, com ênfase no século 19, destacando artistas ituanos desse período.

PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas