15.4 C
Jundiaí
sexta-feira, 21 junho, 2024

Escolas são tema de documentários do MEC

spot_img

Indicado para participar de projeto de documentários produzidos pela Universidade Federal de Goiás em parceria com a Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização de Jovens e Adultos, Diversidade e Inclusão (Secadi) do MEC, o sistema educacional municipal de Jundiaí foi palco, na semana passada, das gravações realizadas pela equipe do Laboratório de Tecnologias da Informação e Mídias Educacionais (LabTIME) da UFG para a série.
Com foco nas práticas de ensino do atendimento educacional especializado – que se estabelece no âmbito da educação inclusiva – a equipe visitou as Emebs Melânia Fortarel e Judith Arruda, que juntas possuem vinte crianças com algum tipo de necessidade específica e são acompanhadas pela equipe do Departamento de Educação Inclusiva (Dein).
“Ficamos muito felizes com a indicação. Mostra que todo o trabalho que desenvolvemos e o planejamento priorizando as necessidades de cada menino e menina, são reconhecidos e fazem a diferença na vida das famílias”, frisa Vastí Ferrari Marques, gestora da unidade de Gestão da Educação, reforçando também que Jundiaí é parte de um processo, como todo o país, e que, em suas palavras sobre a gestão “não se medem esforços ouvindo as famílias e as crianças na busca das melhores iniciativas, projetos e programas para a inclusão, de fato. A Escola Inovadora de Jundiaí, com sua educação desemparedada, é um marco”.
Sobre a vinda para a cidade e o trabalho na gravação de depoimentos de gestores, professores e pais, além de cenas da rotina cotidiana da escola, a equipe da Universidade Federal de Goiás reforça o objetivo do projeto e a importância da parceria com o MEC: “Os documentários da série buscam traçar um recorte e trabalhar um panorama de como funcionam as boas iniciativas do atendimento educacional especializado em todo o país. Buscam debater o que há de significativo e o que ainda se pode melhorar em todos os âmbitos possíveis, além de se tratar de gerar a discussão a partir da análise de casos concretos – e seus desafios reais – dialogando com quem está pensando essas políticas e vivendo-as no dia a dia. Trabalhar isso com o apoio do MEC é entender o campo fértil para o avanço da educação no Brasil.”
Além da Escola Inovadora de Jundiaí, outras 11 cidades também participarão da iniciativa compondo os demais episódios da série de documentários.

PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas