15.4 C
Jundiaí
sexta-feira, 21 junho, 2024

Detentos do RS produzirão móveis para vítimas das enchentes

spot_img

Detentos do sistema prisional do Rio Grande do Sul estão se mobilizando para produzir móveis destinados às vítimas das recentes enchentes no estado. A iniciativa, que já está em andamento, inclui a fabricação de camas e rodos, que serão doados aos desabrigados.

De acordo com a legislação, os detentos que participarem das atividades terão suas penas reduzidas. Os presídios de Iraí e Canela já iniciaram os trabalhos, com a previsão de fabricar 135 camas nesta primeira fase. Segundo a Polícia Penal do Rio Grande do Sul, essas unidades prisionais contam com maquinário de marcenaria e insumos doados por empresários e parceiros, que também se responsabilizaram pelo transporte dos móveis até os abrigos.

As pessoas privadas de liberdade que participam dessas atividades foram selecionadas com base em sua experiência prévia na área.

Os detentos que trabalham nessas atividades foram selecionados por sua experiência prévia na área. Além das camas, a linha de produção inclui rodos, que serão distribuídos para ajudar na limpeza dos resíduos.

Alguns desses produtos já foram destinados aos municípios de Frederico Westphalen, Muçum, Roca Sales e Caxias do Sul. Outras unidades prisionais gaúchas também estão se envolvendo em ações semelhantes. A Penitenciária Estadual de Bento Gonçalves e o Presídio Regional de Caxias do Sul, por exemplo, já produziram materiais de higiene, como sabão e absorventes, para fornecer às vítimas.

Os detentos selecionados para essas atividades foram escolhidos com base em sua experiência prévia na área. Além das camas, a linha de produção inclui rodos, que serão distribuídos para ajudar na limpeza dos resíduos.

PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas