17.5 C
Jundiaí
sexta-feira, 24 maio, 2024

Córregos do Pinheirinho e Bertioga ganham vida

spot_img

Após muitos anos, o Córrego do Pinheirinho, no Jardim Satélite, e Córrego Bertioga, no Jardim Bertioga, demonstram sinais visíveis de recuperação com o retorno de peixes em suas águas. A Unidade Gestora de Meio Ambiente vem realizando um trabalho de levantamento de dados e remoção do esgoto lançado irregularmente no local, além de implementar projetos para restaurar a saúde dos córregos locais ao longo dos anos.
O gestor de Meio Ambiente de Várzea Paulista, Peterson Afonso, embora satisfeito com o progresso, faz uma alerta importante para a população: a água do córrego ainda não é segura para banho ou consumo humano. Ainda assim, o trabalho continua com o objetivo de tornar as águas não apenas habitáveis para peixes, mas também seguras para o uso recreativo e pessoal da população.
“O retorno da vida no Córrego do Pinheirinho nos motiva a continuar trabalhando. Nosso objetivo é para que, no futuro nossos córregos possam ser espaços de lazer para nossa população”, destacou o gestor.
Há muitas áreas particulares onde se passa o curso d’água de vários córregos da cidade, com isso, a equipe de Meio Ambiente faz um pedido para que a população também auxilie neste trabalho de recuperação, e preservem suas áreas de APP (Área de Preservação Permanente) através do reflorestamento.
Segundo o gestor, o viveiro municipal tem duas mil mudas de árvores nativas e diversas espécies que podem ser utilizadas de forma gratuita para a recuperação de áreas de preservação permanente. O munícipe que tiver interesse pode entrar em contato com a Unidade Gestora de Meio Ambiente através do telefone 11 4606-8666.

PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas