16.4 C
Jundiaí
quarta-feira, 29 maio, 2024

Três UBSs ficam abertas no sábado para “atendimento dengue”

spot_img

A Prefeitura de Jundiaí manterá no sábado (6) três Unidades Básicas de Saúde abertas para atendimento exclusivo às pessoas com sintomas de dengue. Das 8 às 17 horas, a população poderá se dirigir à Nova UBS Jardim do Lago (na rua Leonita Faber Ladeira 1358), à UBS Tamoio (rua Orestes Barbosa s/n) e à UBS Morada das Vinhas (rua Uva Niágara s/n).
“Manteremos essas unidades referenciadas como porta de entrada para casos leves e moderados de dengue. Moradores de toda a cidade podem ir aos equipamentos, de fácil acesso”, informa a diretora do Departamento de Atenção Básica à Saúde da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde, Ana Paula Rosa.
Estratégia semelhante foi adotada durante o ponto facultativo e feriado do Dia da Paixão do Senhor, nos dias 28 e 29 de março. Ao todo, 437 pessoas foram atendidas, com positividade de 85% para dengue nos grupos de risco.
No caso das pessoas com mais de 60 anos, que tenham comorbidades ou que apresentem sinais de agravamento da doença, a orientação é que busquem atendimento nos Prontos Atendimentos Hortolândia (rua Campinas 58, Vila Hortolândia), das 7 às 22 horas (fechamento dos portões às 21 horas), Ponte São João (rua Santo Antônio 191) e Retiro (rua Maria Lúcia de Almeida 100), ambos das 7 às 19 horas (com fechamento dos portões às 18 horas) e UPA Vetor Oeste (avenida Presbítero Manoel Antônio Dias Filho 155), atendimento 24 horas.
Os principais sintomas da dengue são: febre, dor de cabeça, dores no corpo e articulações, manchas na pele, dor nos olhos, fraqueza e vômito. Já os sinais de alarme que indicam uma evolução potencialmente mais grave são: dor abdominal intensa; náuseas; vômitos persistentes e sangramento de mucosas.
A Prefeitura decretou, na última segunda-feira (1º), situação de emergência no âmbito da saúde pública no Município e o Comitê Intersetorial de Prevenção e Combate à Dengue definiu novas estratégias de enfrentamento da doença. A partir da Sala de Situação da Saúde – montada em dezembro – diariamente o cenário é monitorado para a adoção de medidas antecipadas e de forma transparente. Jundiaí acumula 3.836 casos de dengue, sendo 2.646 autóctones.

PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas