18.4 C
Jundiaí
terça-feira, 28 maio, 2024

Fim de semana cultural traz entretenimento

spot_img

No último final de semana de abril (26 e 27), Jarinu se tornará palco de momentos de diversão e reflexão, mas também servirá como uma valiosa ferramenta pedagógica, enriquecendo o aprendizado de estudantes e espectadores de todas as idades. Espetáculo artístico e teatral.
Na sexta-feira, dia 26, haverá um espetáculo teatral, com a apresentação gratuita da peça “O Que Será?” no Ginásio de Esportes Jairo Lorencini, às 9h30, 13h30 e 15 horas. Além disso, no sábado, dia 27, das 14 às 18 horas, a praça matriz receberá o Circuito Sesc de Artes, um evento que oferecerá uma ampla gama de atividades gratuitas.

Programação:

Música – Atuante na cena hip-hop e DJ há mais de vinte anos, Cadú Araújo também dá aulas de discotecagem, promove circuitos de batalhas de dança, atua como residente em rádios e participa de trabalhos sociais em várias cidades. Já se apresentou na Virada Cultural e produziu doze edições da festa Block Party.
Teatro – Ambientada em meio à folia do reisado, festa tradicional do Cariri cearense, a peça Noite de brinquedo no terreiro de Yayá, do grupo Clã do Jabuti, conta a história da menina Maria. Na passagem da infância para a adolescência, a jovem enfrenta uma experiência desafiadora: precisa entregar sua coroa de reisado e encontrar um novo papel nos folguedos. Em uma viagem pelo sertão ao lado da avó Yayá e de um grupo de artistas, ela encontra seres encantados, desvenda sabedorias ancestrais e descobre como guerrear e festejar.
Dança – Com dançarinos de passinho dos anos 1970, 1980 e 1990, patinadores que se exibem na roller dance e figurinos disponíveis para quem quiser entrar no clima da festa Jam Dancing, o Coletivo Master Soul Nostalgia convida a plateia a mostrar suas habilidades na pista – ou a aprender alguns passos de dança e participar do encontro sem se preocupar com técnicas, mas apenas para se divertir.
Circo – Concebido e dirigido pela artista circense Erica Stoppel, o espetáculo Ginga do Coletivo Multicultural Feminino, combina música, equilibrismo, acrobacia e humor. Em cena, o elenco composto somente por mulheres de diferentes nacionalidades e etnias interpreta ao vivo a trilha sonora e mostra números que combinam dança, elementos de outras culturas africana e japonesa, a ironia característica da América Latina e a capacidade de improviso da vida brasileira.
Cinema – O universo do cinema de animação serve como ponto de partida na oficina Pequena cinematográfica, orientada pelos artistas Anike Laurita e Jc Ruzza, que têm mais de vinte anos de experiência com arte-educação. Com tintas, canetas, moldes de letras e imagens, usando técnicas manuais como carimbo, stencil e colagem, a dupla convida o público a criar pequenas narrativas visuais. Depois de montar as histórias e conceber os personagens, são feitos os cartazes dos filmes inventados durante o processo criativo.
Literatura – A Trupe Arlequinos & Colombinas traz diversos livros de literatura infantojuvenil com foco na narrativa da menina Lua e os personagens do circo Las Mágicas, com malabaristas, trapezistas e até fantasmas, para a mediação de leitura Brincando de contar no circo da Lua. Interações com a plateia procuram estimular a imaginação como se todos observassem juntos a roda-gigante e se divertissem com as travessuras do palhaço.
Artes visuais e Tecnologias – Conduzido pela artista Bianca Habib, a atividade Avôa! Ateliê de Postais começa com uma pergunta curiosa: como será que os pássaros e outros animais silvestres percebem o espaço urbano em que vivemos? Com base nas respostas imaginadas sob o ponto de vista dos bichos, os participantes produzem postais utilizando técnica mista de carimbos e colagens numa atividade de criação visual e poética que estabelece um diálogo entre arte, cidade e meio ambiente.
A entrada e todas as atividades serão gratuitas à população.

PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas