13.8 C
Jundiaí
segunda-feira, 22 abril, 2024

Plano de arborização garante ampliação de programa

spot_img

Seja pela sombra – principal benefício da arborização urbana – ou pela beleza que entregam às vias, a as árvores em vias públicas de Jundiaí passam a contar com um Plano Municipal especifico, aprovado pela Câmara, que além de definir diretrizes técnicas, também conta com estudo e áreas georreferenciadas para a ampliação das espécies em vias da cidade. A iniciativa converge com o programa Pé de Árvore, que receberá mais 600 mudas nos próximos meses e busca atender a um pedido das crianças do Comitê das Crianças de Jundiaí pela maior arborização nas ruas e avenidas, com parceria da Dae Jundiaí.
De acordo com estudos da Embrapa Territorial, no Brasil, a arborização urbana ocupa menos de 1% de todo o território. Contudo, é ocupada por 85% da população. Em Jundiaí, 1/3 da área é ocupada pela Serra do Japi. Já as árvores em vias públicas somam mais de 65 mil unidades. No entanto, existem bairros com maior presença verde e outros, com poucas unidades. É para preencher esta lacuna que o Plano Municipal atua.
“Jundiaí é a Cidade das Crianças, que tem qualidade de vida, não somente por contar com parque industrial e de serviços públicos completos e diversificados, como por preservar o meio ambiente. Ampliar a arborização urbana agregará ainda mais qualidade aos bairros, estimulará a população a caminhar, favorecerá a promoção da saúde e atenderá a um pedido das crianças, que herdarão a cidade”, detalha o prefeito Luiz Fernando Machado.
Os primeiros grandes plantios já com a legislação em vigor serão as 600 mudas do programa Pé de Árvore, que serão realizadas ainda neste semestre. As mudas serão escolhidas conforme o critério técnico e ambiental disponível no local do plantio, conforme explica o diretor do Departamento de Parques, Jardins e Praças, Rudislei Santos. “Existe uma listagem de espécies que estão aprovadas para o plantio na cidade. Cada uma tem a sua característica e a necessidade em termos de solo, insolação, crescimento espaço disponível em vias e calçadas. A partir dessas variáveis são selecionadas as espécies mais adequadas, com priorização para as nativas da mata atlântica e cerrado, já que Jundiaí conta com os dois biomas”, detalha.
Inicialmente, as árvores serão plantadas nos bairros Vila Alvorada, Ponte São João, Vila Rami, Caxambu, Jardim Tulipas, Cidade Luiza e Novo Horizonte, a partir do mês de abril. As árvores atenderão aos pedidos dos munícipes que solicitaram a inclusão da arborização. Já foram plantadas 1,3 mil exemplares nos bairros Novo Horizonte, Alvorada, Vila Liberdade, Vila Progresso, Ponte São João, Torres de São José entre outros.
Para essas novas mudas, a parceria de plantio é feita com a Dae Jundiaí. De acordo com o diretor de Mananciais, Martim Ribeiro, a participação da empresa é importante. “A qualidade ambiental de uma cidade reflete em todos os segmentos. A Dae contribui com o Pé de Árvore para que a Cidade das Crianças tenha mais ruas arborizadas, coloridas e sombreadas para as gerações”, reforça.
Criado em 2021, o Programa Pé de Árvore promove o plantio de árvores nas calçadas em frente aos imóveis habilitados. A preparação do local, plantio das mudas e instalação de placa de identificação do programa ficam sob responsabilidade das Unidades de Gestão da prefeitura..

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas