23.4 C
Jundiaí
quarta-feira, 17 abril, 2024

Sete Estados e o Distrito Federal atingem estado de emergência para dengue

spot_img

Até esta quinta-feira (22), pelo menos sete estados brasileiros e o Distrito Federal decretaram estado de emergência devido à epidemia de dengue no país. Além do Distrito Federal, os estados afetados são: Acre, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Roraima, Rio de Janeiro e Santa Catarina.

O estado do Acre foi o pioneiro ao tomar tal medida em 5 de janeiro de 2024. Logo em seguida, em 25 do mesmo mês, o Distrito Federal também decretou estado de emergência, cuja publicação ocorreu no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) na mesma data. O decreto permanecerá em vigor até que a situação sanitária seja estabilizada.

No dia seguinte, o governo de Minas Gerais também decretou emergência no estado. Conforme expresso no texto do decreto, a medida foi tomada em virtude do impacto econômico e social historicamente associado à dengue, o qual pode ser agravado durante uma epidemia simultânea de chikungunya.

Em 30 de janeiro de 2024, Roraima emitiu um alerta sobre a doença, após registrar 40 casos prováveis da enfermidade. Enquanto a capital, Boa Vista, não está em estado de alerta, o município de Oiapoque teve sua situação elevada para emergência pelo governador. A prefeitura local solicitou apoio devido às dificuldades no atendimento e no combate às doenças virais.

Posteriormente, em 4 de fevereiro, Goiás declarou estado de emergência devido à dengue. Segundo a Secretaria de Saúde do estado (SES), já foram confirmados 22.275 casos da doença e registradas duas mortes em 2024. Esses números representam um aumento de 58% em comparação com o mesmo período de 2023.

Nesta quarta-feira (21), dois estados brasileiros declararam estado de emergência devido à dengue.

No Rio de Janeiro, o governador Cláudio Castro anunciou a decretação da epidemia de dengue após o registro de 49.405 notificações, o equivalente a cerca de 308 casos por 100 mil habitantes, resultando em quatro óbitos, dois na capital do estado, um em Itatiaia e outro em Mangaratiba.

No Espírito Santo, o governador Renato Casagrande também decretou Situação de Emergência em Saúde Pública devido ao cenário epidemiológico das arboviroses. O anúncio ocorreu após uma reunião com prefeitos no Palácio Anchieta.

Santa Catarina tornou-se o estado mais recente a adotar tal medida, com a governadora Marilisa Boehm participando de uma coletiva de imprensa em Joinville para assinar o Decreto Emergencial Epidemiológico devido à infestação do mosquito Aedes aegypti. O estado registra 17.696 casos prováveis de dengue em 177 municípios, representando um aumento de 650% em comparação ao ano anterior.

No total, o Brasil ultrapassou a marca de 710 mil casos prováveis e registrou mais de 130 mortes por dengue em 2024, com Minas Gerais liderando os números da doença, contabilizando 246.399 registros.

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas