15.4 C
Jundiaí
quinta-feira, 20 junho, 2024

Faixas de pedestres recebem luminárias de olho na segurança do trânsito

spot_img

Para reforçar a segurança de pedestres, a Unidade de Gestão de Mobilidade e Transporte (UGMT) atua na ampliação e manutenção de faixas de travessia, além de complementar a iluminação em alguns locais que apresentam grande demanda, necessitando de mais atenção dos motoristas e motociclistas devido à presença constante de pedestres.

Os estudantes e amigos Alex Magalhães, Henrique Amancio Prado, Pedro Gomes Gonçalves e Gabriel Cardoso caminham diariamente pelas ruas de Jundiaí e explicam que falta conscientização de todos para que o trânsito seja mais seguro. “Já vi motorista buzinar para uma idosa que estava atravessando na faixa para ela andar mais rápido. À noite, os motoristas além de não respeitarem as faixas também avançam no semáforo vermelho”, comenta Henrique. “A maioria dos motoristas não para enquanto estamos tentando atravessar. É preciso respeito e empatia, porque em determinados momentos somos motoristas, e em outros pedestres”, completa Pedro.

Em Jundiaí, há mais de 1.000 faixas para a travessia de pedestres, que garantem a locomoção com segurança, evitando os riscos de atropelamentos, e precisam ser respeitadas independentemente de estarem acompanhadas de interseções semafóricas, uma vez que são sinalizadores que indicam aos motoristas de quaisquer veículos para que se atentem, diminuam a velocidade e, quando preciso, parem e aguardem a travessia. 

“Além de ser um ato de cidadania, já que todos têm direito à segurança, a orientação é para que haja o compartilhamento de responsabilidades – o pedestre precisa fazer a travessia no local correto, e o condutor de veículo motorizado ou não precisa garantir a segurança dessa travessia”, explica o diretor de Trânsito da UGMT, Esdras Benedito Cintra Jr.

A UGMT, responsável pela análise de implantação e pintura das faixas, bem como das manutenções que ocorrem anualmente, adotou ainda ação de complementação com luminárias.

No total, são oito pontos que estão servindo de piloto para avaliação, entre eles estão a Rodovia Vereador Geraldo Dias (altura da Vila Hortolândia), Avenida Antonio Frederico Ozanan (Jardim Liberdade), Rua Lacerda Franco (em frente à Fábrica da Infância Japy), Rua Anchieta (em frente à entrada de visitantes do Hospital São Vicente) e na Rua Barão de Jundiaí (altura do Teatro Polytheama, no Centro).

A importância de comportamentos responsáveis e coletivos para um trânsito seguro, que respeite os usuários de todos os modais e as leis e estimule a mobilidade ativa, é tema de palestras e ações educativas realizadas pela UGMT. “Durante o ano, por meio do Programa Educação no Trânsito, atuamos com ações em escolas, empresas e espaços públicos. A empatia e conscientização de todos proporcionam qualidade de vida e ajudam a termos um trânsito seguro”, afirma o gestor de Mobilidade e Transporte, Aloysio Queiroz.

Inaê Botelho, estudante, diz que percebeu uma melhora no comportamento no trânsito, porém, ainda é necessário mais respeito. “Acho que motoristas e pedestres precisam ter mais consciência para uma harmonia.”

Mortes – De acordo com a plataforma Infosiga do Governo do Estado, nas vias municipais de Jundiaí, em 2022 foram registrados sete óbitos de pedestres, e em 2021, oito morreram. Neste ano, ainda não há dados divulgados, porque a plataforma está em atualização.

Novo Dia
Novo Diahttps://novodia.digital/novodia
O Novo Dia Notícias é um dos maiores portais de conteúdo da região de Jundiaí. Faz parte do Grupo Novo Dia.
PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas