16.4 C
Jundiaí
quinta-feira, 30 junho, 2022

Após 10 anos, suspeito de crime é encontrado por mastigar chiclete

PUBLICIDADEspot_img

O DNA presente em uma goma de mascar encontrada colada na cama de Giuliano Gilardi no dia em que ele foi assassinado poderá ajudar a esclarecer o homicídio do idoso de 60 anos mais de 10 anos depois de sua morte. As informações são da Agência Ansa.  

Gilardi foi morto no dia 27 de dezembro de 2011 em sua casa, em Saint-Christophe, na região de Vale de Aosta. Após três anos de investigações sem sucesso, o caso foi arquivado pela Procuradoria local.   

No entanto, em abril de 2021, policiais entregaram “novos elementos” sobre o crime à Procuradoria, que decidiu reabrir a investigação e indiciou quatro pessoas por homicídio qualificado em conjunto: a ex-namorada Cinzia Guizzetti, o ex-marido dela, Armando Mammolitti, e os pedreiros Salvatore Agostino e Domenico Mammoliti.   

Hoje (21), a agência de notícias conseguiu obter informações com os procuradores de Aosta e soube que foi possível identificar o DNA de Agostino no chiclete. Os outros três também foram testados e deram negativo.   

A partir de agora, os resultados completos da perícia serão discutidos durante a audiência judicial no dia 3 de fevereiro, que poderá provocar uma reviravolta no caso.   

Guizzetti foi apontada por bastante tempo como a responsável ou a mandante do crime por conta do seu comportamento “estranho” – foi ela quem achou o corpo. Os investigadores descobriram que ela apagou uma série de SMS trocados com a vítima e omitindo relações à época do assassinato com Gilardi. No entanto, o processo foi arquivado por falta de provas.   

A autópsia do corpo de Gilardi, que também era pedreiro, revelou que ele foi morto com um instrumento pesado que golpeou sua cabeça e depois foi alvo de uma série de facadas.    

Novo Dia
Novo Diahttps://novodia.digital/novodia
O Novo Dia Notícias é um dos maiores portais de conteúdo da região de Jundiaí. Faz parte do Grupo Novo Dia.
PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

notícias relacionadas