15.7 C
Jundiaí
sábado, 20 julho, 2024

Correios lançam Programa de Demissão Voluntária e abrem 3,2 mil vagas em concurso

publicidadespot_imgspot_img

Os Correios divulgaram nesta segunda-feira (1) a abertura de um novo concurso público, focado principalmente em vagas operacionais de carteiro, com o objetivo de contratar 3,2 mil profissionais.

Também foi anunciada a criação do Programa de Desligamento Voluntário (PDV), conforme explicou o presidente dos Correios, Fabiano Silva dos Santos, em resposta a solicitações de colaboradores da ECT (Empresa de Correios e Telégrafos) que desejam deixar a empresa após longos períodos de serviço.

A implementação do PDV aguarda aprovação da Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (SEST) para entrar em vigor.

Silva dos Santos explica que o concurso público visa atender às necessidades emergentes nos serviços de entrega.

“Os Correios enfrentam uma defasagem de 4 mil a 5 mil cargos, sendo que inicialmente as vagas serão priorizadas para os carteiros, responsáveis pela cobertura de todos os municípios do país”, declarou o presidente.

O edital do concurso está previsto para ser lançado em agosto deste ano. Caso o cronograma seja seguido, espera-se que os novos contratados sejam convocados até dezembro.

Além das oportunidades operacionais, o edital também contempla vagas de nível superior para advogados, arquitetos e engenheiros.

Programa de Desligamento Voluntário

A proposta do PDV contempla como elegíveis os empregados dos Correios que façam parte do quadro de pessoal próprio, estejam ativos na data do desligamento e atendam, simultaneamente até o último dia do mês anterior ao encerramento das inscrições, aos seguintes requisitos:

  • Ter idade maior ou igual a 55 anos e menor que 75 anos;
  • Ter tempo de efetivo exercício nos Correios maior ou igual a 25 anos;
  • Possui pelo menos 36 meses de remuneração, nos últimos 60 meses.
PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas