20.4 C
Jundiaí
sábado, 4 fevereiro, 2023

PF investiga crimes relacionados a investimentos em criptomoedas

Fonte: Agência Brasil

Um grupo criminoso que praticava crimes financeiros por meio de investimentos em criptomoedas é alvo de investigações da Operação Cripta, deflagrada nesta quarta-feira (9) pela Polícia Federal (PF). De acordo com as investigações, o prejuízo causado às vítimas pode passar R$ 15 milhões.

A investigação começou após denúncias da existência de um operador que captava recursos para investimentos em criptomoedas, mas nada revelava sobre a realização das operações. Desta maneira, os investidores não sabiam se as operações com criptoativos ocorriam de fato.

Os investigados prometiam rendimentos entre 5% e 30% do capital investido, mas não tinham autorização da Comissão de Valores Mobiliários, nem do Banco Central para realizar as operações financeiras anunciadas.

Os policiais federais cumprem cinco mandados de busca e apreensão em Palmas, capital do Tocantins. As ordens judiciais foram expedidas pela 4ª Vara Federal da Seção Judiciária do Estado do Tocantins.

Os suspeitos poderão responder pelos crimes de indução de investidor a erro, de operação irregular de instituição financeira, de evasão de divisas e de lavagem de dinheiro, cujas penas, somadas, podem chegar a 20 anos de reclusão e multa.

Novo Dia
Novo Diahttps://novodia.digital/novodia
O Novo Dia Notícias é um dos maiores portais de conteúdo da região de Jundiaí. Faz parte do Grupo Novo Dia.
PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas