22.8 C
Jundiaí
terça-feira, 29 novembro, 2022

Jundiaí é 5ª no Estado em empregabilidade de pessoas com deficiência

PUBLICIDADEspot_img

Dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) apontam Jundiaí como a quinta cidade no Estado de São Paulo em contratação de pessoas com deficiência. No acumulado do ano de 2022 (janeiro até setembro), Jundiaí tem saldo positivo de 60 empregos, atrás de Poá, Taubaté, Fernandópolis e Araraquara. Neste período Jundiaí teve 547 admissões e 487 desligamentos durante 2022.

De acordo com o assessor de Políticas para Pessoas com Deficiência de Jundiaí, Marco Antonio dos Santos, o município tem feiro encontros mensais de sensibilização para empregabilidade de pessoas com deficiência. “Nesta quarta-feira (16), acontece o quarto encontro, em que reunimos auditores fiscais do Ministério do Trabalho, INSS, Cerest Jundiaí, a Unidade de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia e empresas, com o objetivo de discutir formas de aumentar a oferta e a ocupação de vagas de emprego destinadas às Pessoas com Deficiência (PCD).

O prefeito Luiz Fernando Machado ressalta que, ampliar as chances do jundiaiense que procura oportunidade no mercado de trabalho sempre estará na agenda de seu governo. Desde as reuniões com empresários, até os cursos de qualificação, há um conjunto de ações buscando gerar mais postos de trabalho em nossa cidade.  A proposta é aumentar cada vez mais a participação da pessoa com deficiência no mercado de trabalho e dar oportunidade para quem quer empreender”, explica.

Uma das ferramentas que contribui para os dados positivos é o portal Jundiaí Empreendedora, que está com mais de 2 mil vagas diárias de empregos disponíveis – 163 vagas exclusivas para a pessoa com deficiência. “O programa Jundiaí Empreendedora é um fomentador na criação de vagas de trabalho. A pessoa com deficiência, claro, se insere nesse trabalho, com a qualificação profissional e a ponte com as empresas por meio do portal”, explica Cristiano Lopes, gestor de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia.

Pelo Espaço Jundiaí Empreendedora é feito o cadastro de pessoas com deficiência e o encaminhamento para o trabalho. O que pode ser feito pelo Portal e também no espaço físico. Os agentes de atendimento analisam o currículo, auxiliam o cadastro nas plataformas digitais e agendam entrevistas com possíveis empregadores, além de cadastrar o laudo médico.

O laudo médico para PcD é um documento que ajuda a comprovar a deficiência da pessoa. Ele é essencial para quem é contratado por empresas que adotam a lei de cotas para PcDs.

Fonte: Assessoria de Comunicação PMJ

Novo Dia
Novo Diahttps://novodia.digital/novodia
O Novo Dia Notícias é um dos maiores portais de conteúdo da região de Jundiaí. Faz parte do Grupo Novo Dia.
PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

PUBLICIDADEspot_img

notícias relacionadas