PUBLICIDADEspot_img
PUBLICIDADEspot_img
21.7 C
Jundiaí
terça-feira, 18 janeiro, 2022
PUBLICIDADEspot_imgspot_img

Carros de luxo, charutos cubanos e R$ 38 bilhões apreendidos no Brasil em esquema ilegal de Bitcoins

Glaidson Acácio dos Santos, é o homem apontado pela Polícia Federal como chefe de uma organização criminosa que movimentou mais de R$ 38 bilhões.

De acordo com investigadores, Glaidson estava à frente de uma empresa que prometia, em contrato, 10% de retorno por mês a quem quisesse investir em bitcoins, num esquema financeiro clandestino que atraiu milhares de investidores de todo o Brasil.

Em apenas uma semana, foram apreendidos R$ 14 milhões em dinheiro vivo, 21 carros de luxo, joias, charutos cubanos, roupas de grife, perfumes e bebidas caras.

Até 2014, Glaidson recebia pouco mais de R$ 800 trabalhando num restaurante em Búzios. Mas a partir de 2015, o esquema movimentou mais de R$ 38 bilhões – sendo que, nos últimos 12 meses, quase R$ 17 bilhões foram em operações vinculadas à empresa de que ele é sócio-administrador.

Novo Diahttps://novodia.digital/novodia
O Novo Dia Notícias é um dos maiores portais de conteúdo da região de Jundiaí. Faz parte do Grupo Novo Dia.
PUBLICIDADEspot_img

SUGESTÃO DE PAUTAS

notícias relacionadas