24.7 C
Jundiaí
quinta-feira, 28 janeiro, 2021

Prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella é preso em ação que investiga ‘QG da Propina’ na Prefeitura

A prisão aconteceu por volta das 6h da manhã na casa do prefeito, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio

Foi preso na manhã desta terça-feira (22), o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (Republicanos). Ele é investigado por um suposto “QG da Propina” na Prefeitura do Rio. Além dele, foram presos o empresário Rafael Alves, o delegado aposentado Fernando Moraes, o ex-tesoureiro da campanha de Crivella, Mauro Macedo, além dos empresários Adenor Gonçalves dos Santos e Cristiano Stockler Campos, da área de seguros.

A ação conjunta entre a Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) é um desdobramento da Operação Hades, que começou em 2018, a partir da delação do doleiro Sergio Mizrahy.

A prisão de Crivella acontece 9 dias antes de terminar o seu mandato. O presidente da Câmara de Vereadores, Jorge Felippe (DEM) assume a prefeitura do Rio, já que o vice-prefeito, Fernando McDowell, morreu em maio de 2018.

A prisão aconteceu por volta das 6h da manhã na casa do prefeito, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. Segundo a defesa de Crivella, ele ainda estava de pijama. Todos os presos vão passar por uma audiência de custódia às 15h, no Tribunal de Justiça.

Novo Diahttps://novodia.digital/novodia
O Novo Dia Notícias é um dos maiores portais de conteúdo da região de Jundiaí. Faz parte do Grupo Novo Dia.

SUGESTÃO DE PAUTAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

notícias relacionadas