22.4 C
Jundiaí
terça-feira, 1 dezembro, 2020

Tudo pela metade do dobro do preço

Black Friday, que acontece no dia 27, deverá ser a maior data para o varejo depois do Natal, superando outras tradicionais. Mas é ano de pandemia

A Black Friday 2020 acontecerá no dia 27 de novembro e será uma oportunidade para aquecer o mercado novamente. Depois de grandes datas importantes para o comércio terem sido comprometidas devido à pandemia, a expectativa dos comerciantes para a Black Friday é positiva. O momento pede uma nova visão e percepção de oportunidades para gerar experiências que encantem os consumidores.

Neste ano é esperado um novo recorde de vendas, que irá superar 2019. Segundo a diretora do Mercado Livre em uma entrevista para Infomoney, “existe um sentimento de demanda reprimida, a Black Friday aparece em um momento de abertura, de retomada de alguns serviços e essa demanda reprimida é de compra mesmo. Entendemos que isso deve afetar e impulsionar os números desta edição”, explica Julia Rueff.

A aposta está no e-commerce, que já cresceu 47% no país durante o primeiro semestre deste ano, de acordo com a Ebit Nielsen. O isolamento social trouxe para o consumidor novo hábito para compras online e muitos ainda não estarão confiantes para se arriscarem em filas e tumultos, o que é comum nas lojas físicas durante a Black Friday.

Além disso, para uma empresa comportar o volume de consumidores em uma loja física será mais burocrático, devido a todos os requisitos de protocolos de segurança. Já na visão do consumidor, poder escolher o produto em um e-commerce é mais fácil, rápido e seguro para sua saúde. Por isso, levando em conta o cuidado com a saúde e a praticidade de compra on-line, acredita-se que a grande maioria optará pela segunda opção. Uma alternativa adotada pelos grandes varejistas foi adiantar o início da onda de descontos. Segundo o Grupo Via Varejo, a medida está relacionada ao cuidado para evitar aglomerações em única data.

Para empresas que optarem pelas ações em lojas físicas e souberem trabalhar o omnichannel – integração entre diversos canais – poderá criar experiências únicas aos consumidores que ainda preferem estar presencialmente nas lojas.

Em um ano de Black Friday que promete um concorrência alta, é preciso apostar em conteúdo de valor e que encantem o consumidor. Muitos apostam que uma comunicação com propósito neste momento, em que muitos repensaram seus valores, pode trazer resultados inesperados. Além disso, a criação de um storytelling do seu produto, para que ele engaje com o consumidor antes, durante e após a Black Friday é de extrema importância.

Compras online exigem mais cuidados

As principais informações a respeito da empresa, geralmente, constam no final do site. Por meio dessas informações iniciais já é possível fazer uma pesquisa na internet, para verificar a existência e reputação da loja online. Quando existente, são exibidos dados cadastrais da sede da empresa como nome registrado, CNPJ, endereço, canais de contato (telefone, e-mail, formulário, entre outros).

Esta é uma etapa que envolve muita atenção do consumidor, pois existem alguns métodos de pagamento online que podem validar a sua compra. No site do e-commerce é possível verificar a existência de certificados e/ou selos de segurança. De qualquer forma, essas certificações estão sujeitas a serem falsificadas por golpistas.

Antes de informar os dados do seu cartão, é importante saber que a sua senha pessoal jamais será exigida para uma compra, no lugar dela é pedido o código de segurança que fica na parte de trás do cartão, um número de 3 a 4 dígitos. Uma boa notícia é que hoje já existem tecnologias que estão a favor do consumidor, como o cartão digital. Com ele é possível cadastrar os dados dessa versão online do cartão, que é diferente do físico, promovendo mais segurança das suas informações. Além desta forma, outros recursos também podem ser disponíveis para fazer o pagamento, como boleto bancário, PayPal, PagSeguro, MercadoPago, PicPay, entre outros.

Para checar a segurança da loja online, observe à esquerda do endereço da Web. Se houver a presença de um cadeado como este significa que o site está protegido. Ainda nessa barra, verifique se há o termo “https”, ao invés de “http”, ou seja, é um certificado (SLL) de proteção padrão do site.

Visite o site do ReclameAqui e pesquise pelo e-commerce onde pretende compras. Logo você poderá verificar a reputação da empresa quanto às reclamações feitas. Caso não encontre a empresa cadastrada nesta plataforma, é um bom momento para desconfiar. As compras online podem ser feitas de qualquer dispositivo conetado a internet. Para protegê-lo, é possível instalar programas Anti-vírus e Firewall para bloquear ações suspeitas. Esses recursos emitem avisos quando algo não está certo com o site que está acessando, permitindo o acesso à plataformas confiáveis.

45 mil golpes em 2019

Mais de 45 mil pessoas foram atingidas por 1,6 mil golpes e perfis falsos durante a Black Friday de 2019, de acordo com a empresa de segurança digital PSafe. O problema não é novo e pode avançar na mesma proporção em que o e-commerce cresceu no Brasil durante a pandemia, sem contar os imbróglios ligados à entrega e frete.

Automação e visibilidade são os principais fatores elencados por Stefan Rehm, CEO da plataforma de gestão de fretes Intelipost, para melhorar a logística das operações. “Monitoramento e rastreamento em tempo real são essenciais para gerar confiança”, alerta Rehm.

Mas o trabalho precisa ser feito com segurança devido ao elevado índice de roubos. “A tecnologia é a melhor aliada para equalizar uma experiência que alivie a tensão das entregas e garanta proteção”, adverte o co-fundador da Intelipost, que realiza 19 milhões de entregas ao mês. As inovações estão ligadas à utilização de inteligência artificial para prever as rotas mais perigosas, especialmente na última fase da entrega.

“Atuamos com uma malha própria, que representa 79% das entregas totais do nosso e-commerce no Brasil e entregamos mais de 40% dos pedidos em até 24 horas”, destaca Ana Paula Rodrigues, do Magazine Luiza. Os esforços são conduzidos pela LogBee, startup de inteligência logística da empresa. Em outubro, a varejista anunciou a aquisição da GFL Logística, reforçando a entrega “last mile”. Outra aliada é a SincLog, que auxilia na gestão em tempo real.

A Via Varejo também fortaleceu a sua rede logística, reduzindo o tempo de entrega dos produtos adquiridos por meio dos aplicativos e sites das marcas Casas Bahia, Ponto Frio e Extra.com. Criou ainda mini hubs dentro das lojas para expandir o alcance logístico e reduzir os custos de frete.

Urbemhttps://novodia.digital/urbem
A Editora Urbem faz parte do Grupo Novo Dia e edita livros de diversos assuntos e também a Urbem Magazine, uma revista periódica 100% digital.

SUGESTÃO DE PAUTAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jundiaí registra uma morte e atinge 70% de ocupação dos leitos de UTI na rede pública

A cidade de Jundiaí registrou uma morte causada pelo novo coronavírus nesta terça-feira (1). Uma mulher, de 97 anos, portadora de doença...
PUBLICIDADE

Estrela do filme Juno, Ellen Page revela que é homem trans e passa a se chamar Elliot

O ator de 33 anos publicou um longo comunicado sobre sua transição de gênero no Twitter Ellen Page...

Comércio de Jundiaí segue programação com horário ampliado e protocolos sanitários

A administração municipal ressaltou novamente que em Jundiaí, nenhuma atividade será fechada neste momento O Sindicato do Comércio...

Atibaia recebe mais uma vez a edição do Duelo de Motos

Maior competição de Motocross Estilo Livre (FMX) do Brasil acontecerá em janeiro Pela quarta vez consecutiva, a cidade...

notícias relacionadas

Jundiaí registra uma morte e atinge 70% de ocupação dos leitos de UTI na rede pública

A cidade de Jundiaí registrou uma morte causada pelo novo coronavírus nesta terça-feira (1). Uma mulher, de 97 anos, portadora de doença...

Estrela do filme Juno, Ellen Page revela que é homem trans e passa a se chamar Elliot

O ator de 33 anos publicou um longo comunicado sobre sua transição de gênero no Twitter Ellen Page...

Comércio de Jundiaí segue programação com horário ampliado e protocolos sanitários

A administração municipal ressaltou novamente que em Jundiaí, nenhuma atividade será fechada neste momento O Sindicato do Comércio...

Atibaia recebe mais uma vez a edição do Duelo de Motos

Maior competição de Motocross Estilo Livre (FMX) do Brasil acontecerá em janeiro Pela quarta vez consecutiva, a cidade...

cadastre-se

Cadastre-se para receber as novidades no grupo Novo Dia